quarta-feira, 11 de maio de 2016

ESCOMBROS E RECONSTRUÇÕES























Título: Escombros e Reconstruções
Autor: Márcio Catunda
Editora: Thesaurus (Brasília)
Estante: Poesia
Ano: 2012
Encadernação: Brochura
Idioma: Português
ISBN: 978-85-409-0094-3
Páginas: 117
Peso: 160 (gr)
Estoque: 2 exemplares
Preço: R$ 19,85 + R$ 5,15 (frete para todo Brasil) = R$ 25,00

Descrição: “Escombros e Reconstruções”, de Márcio Catunda, poesia brasileira contemporânea. Livro novo, sem dedicatória, sem anotações, perfeito estado. Formato: 14 cm x 21 cm, brochura. Orelhas pelo escritor Jarbas Júnior, cearense residente em Brasília. Editora: Thesaurus, Brasília, 2012, 117 p., 160 gramas. Fui o revisor, organizador, prefaciador e o autor da quarta capa dessa obra que obteve o Prêmio de Melhor Livro do Ano (2012), em seu gênero, concedido pela Academia Carioca de Letras (ACL).  Foi também saudado com entusiasmo pelo poeta Lêdo Ivo.  O livro se divide em dois tempos distintos.  O primeiro, Escombros, fala de uma vida em tempos e locais com uma atmosfera de barbárie.  O segundo, Reconstruções, além de recuperar memórias de infância e falar da natureza, pode-se definir como um canto à civilização, no que ela tem de melhor: a arte e a cultura.  Poesia moderna, discursiva, concisa.  Um dos melhores livros de Márcio, que possui mais de 40 títulos publicados.  Márcio Catunda, natural de Fortaleza-CE, integra o corpo diplomático brasileiro, atualmente trabalhando em Argel. (Ricardo Alfaya)

* Clique nas imagens para vê-las com maior nitidez.  Inclusive, para ler os dizeres da quarta capa.


* Você pode comprar por depósito em conta ou transferência bancária. Pedidos: alfayalivreiro@gmail.com

* Ao comprar, recomendamos, com veemência, a leitura dos sete primeiros tópicos de nossos “Termos de Uso”. Para conhecê-los, basta clicar aqui.

Um comentário:

Ricardo Alfaya disse...

Caro Ricardo,
Gratíssimo pela inclusão do Escombros e Reconstruções, livro de que gosto muito,
porque é recente e representa bem minhas temáticas favoritas.
O mundo e a espiritualidade.
Abraço,
Márcio Catunda (por e-mail em 11.05.2016)